Opaleiros do Paraná

Conecte-se e aproveite as vantagens de ser um Membro Oficial.

Login

Esqueci minha senha

Últimos assuntos

» Chevrolet Caravan 1979 2500 - Customização simples e de bom gosto
Hoje à(s) 9:06:37 por felipeleox

» Opala Diplomata 1.991 Automático
Hoje à(s) 9:01:23 por Caravan88

» Caravan comodoro 1988
Hoje à(s) 8:55:20 por Caravan788

» Opala 1978 Diplomata
Hoje à(s) 8:05:25 por Caravan88

» Qual e meu opala
Hoje à(s) 8:03:38 por Caravan88

» Câmbio 6cc
Hoje à(s) 7:34:17 por srorto

» Positivo - Palao75(Caio Cardoso)
Hoje à(s) 6:52:46 por srorto

» Uso do vira 153 no 151 s
Hoje à(s) 6:21:38 por j ricardo

» Peças para Diplomata 91
Hoje à(s) 6:13:14 por joaoc

Quem está conectado

72 usuários online :: 4 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 68 Visitantes :: 2 Motores de busca

Fetex, Hammer Fall, Rubão6cc, wassis67


[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 523 em Qua 15 Dez - 17:01:27

Produtos 101 Racing Parts

Seg 22 Abr - 17:29:39 por 101 Racing Parts

Comando de Válvulas Mecânico ISKY (USA)
CHEVROLET/GM 6cil 4.1L/250 1969-91 Opala
CHEVROLET/GM 4cil 2.5L/151 1969-91 - Carburados (tubo 6mm) Chevette, Chevy, Marajó



LINK PARA O PRODUTO
http://www.101racingparts.com/ecommerce/lista_produtos/busca%7C%7Cisk-2/1

Rafael Rodrigues
rafael@101racingparts.com
(41) 3941-4138


Filtro de Combustível de Tubo com Bico …

Top dos mais postadores

thallisguimaraes (17463)
 
tabarbosa (16851)
 
BANDIT (13534)
 
Xann (10387)
 
j ricardo (9352)
 
Jean Bida (9311)
 
Eduardo SSa (8678)
 
raphaelcaronti (8482)
 
Rubão6cc (7878)
 
100 (7771)
 

Anodização caseira de alumínio

Compartilhe

AndersonJF
Opaleiro
Opaleiro

Masculino Número de Mensagens : 3091
Idade : 40
Localização : Juiz de Fora - MG
Data de inscrição : 30/09/2010

Anodização caseira de alumínio

Mensagem por AndersonJF em Qui 14 Abr - 8:31:03

Galéra pesquizando uma forma de deixar o alumínio do possante mais bonito achei essa receita, que me parece mt fácil de fazer...se algém já usou por favor comente....

A maioria dos metais sofre corrosão e se dissolve se for usado como anodo de uma célula eletrolítica. O alumínio, entretanto, segue um caminho diferente se o eletrólito for uma solução de ácido sulfúrico.

O termo “anodização” aqui se refere ao processo de depositar sobre peças de alumínio uma fina camada de óxido. O óxido de alumínio é quimicamente igual à safira e ao rubi, conferindo uma dureza extraordinária à superfície. Também permite que a superfície seja tingida, resultando em uma coloração metálica, difícil de se obter por outros meios (as tintas em geral apresentam uma má aderência ao alumínio).




O processo é feito em quatro etapas:

1.
* Limpeza e preparo da peça de alumínio
* Depósito do óxido (anodização propriamente dita)
* Tingimento
* Selagem

<script src='http://img151.imageshack.us/shareable/?i=image006906.gif&p=tl' type='text/javascript'></script><noscript></noscript>




Passos

1.Escolçha as peças
Escolha as peças. Algumas ligas de alumínio anodizam melhor que outras. Felizmente uma das ligas mais usadas é também a mais fácil de anodizar. Peças fundidas muitas vezes usam ligas com silício, que dificulta a anodização.

<script src='http://img707.imageshack.us/shareable/?i=ano1.jpg&p=tl' type='text/javascript'></script><noscript></noscript>


2.Prepare a surpefície
Prepare a superfície. A anodização não corrige nenhum defeito ou imperfeição. Neste exemplo, a peça da esquerda receberá um acabamento fosco e a da direita um acabamento brilhante. Inicialmente ambas foram limpas e lixadas com lixa d’água 600. Em seguida foram esfregadas com pó de carborundum 1F. A peça destinada ao acabamento fosco foi mergulhada em solução de soda cáustica. Ocorre uma reação que libera hidrogênio e aos poucos corrói a superfície do alumínio, deixando-a fosca. A peça destinada ao acabamento brilhante foi polida com estopa, massa de polir e, acima de tudo, paciência. O acabamento com soda cáustica é bem menos trabalhoso e produz bons resultados.

<script src='http://img52.imageshack.us/shareable/?i=40596982.jpg&p=tl' type='text/javascript'></script><noscript></noscript>

3. Faça a solução de ácido. Misture um volume de ácido sulfúrico concentrado com 6 volumes de água. O ideal é usar água destilada. Pode-se usar água da chuva ou a água que pinga dos condicionadores de ar. Há um consenso na literatura de que a água clorada da torneira pode causar problemas. CUIDADO! Adicione o ácido concentrado à água, e NÃO a água ao ácido. A reação é violenta e exotérmica (esquenta muito). Adicione um pouco de cada vez e espere esfriar antes de nova adição. Outra opção seria adicionar um volume de ácido de bateria (novo) a dois volumes de água destilada. CUIDADO! o ácido sulfúrico concentrado é um corrosivo violento! O ácido diluído também é perigoso. Trabalhe com equipamento de proteção. Óculos e luvas são obrigatórios. O objetivo é conseguir uma solução de ácido de aproximadamente 15% em peso. O ácido concentrado pesa cerca de 1,8 kg/litro.



4.Monte o conjunto
Monte o conjunto. Neste trabalho foi usado um catodo de fio de cobre (foto ao lado, no fundo do recipiente de ácido) permanentemente mergulhado na solução e não houve problema algum, mesmo quando a tensão elétrica foi desligada. Entretanto, o catodo mais usado para anodização é o chumbo. Uma tira de chumbo imersa na solução, com uma parte para fora que permita sua ligação à fonte de alimentação seria ideal, entretanto, o chumbo é difícil de obter e tóxico. Catodos de alumínio também são muito utilizados atualmente, sendo recomendado montar com uma área de 1,5 a 2 vezes o tamanho da peça.


<script src='http://img831.imageshack.us/shareable/?i=ano4.jpg&p=tl' type='text/javascript'></script><noscript></noscript>

5. Ligue a eletricidade
Ligue a eletricidade. A fonte de alimentação deve ser capaz de fornecer entre 5 e 15 volts, e ter capacidade de alguns Ampères. A fonte usada nesta foto foi uma fonte chaveada de computador. Utilizamos a saída de 5 volts e a corrente ficou entre 0,4 e 1,2A. A corrente deve ficar entre 0,3 e 3 amperes por decímetro quadrado (uma área de 10cm x 10cm).No momento que esta foto foi tirada, o amperímetro marca 0,46A. A peça de alumínio (anodo) foi suspensa sobre o catodo de cobre, presa por um arco de alumínio que também faz a ligação elétrica. SOMENTE ALUMÍNIO PODE SER UTILIZADO COMO SUPORTE E CONEXÃO ELÉTRICA DO ANODO. Deixe a peça anodizando por cerca de 3 horas.

<script src='http://img715.imageshack.us/shareable/?i=ano5.jpg&p=tl' type='text/javascript'></script><noscript></noscript>

6.Faça o tingimento.Seque levemente com papel toalha e mergulhe a peça no corante ou aplique-o com um pincel. O corante ideal é uma questão de tentativa e erro. Preferencialmente deve ser solúvel em água. Podem ser testados corantes para tecidos, tintas para canetas hidrográficas, corantes para alimentos etc. Para um mesmo tipo de corante podem ser obtidos resultados diferentes dependendo da cor. Existem empresas especializadas na venda de corantes para coloração de alumínio anodizado. Estes corantes apresentam excelente solidez à luz e a intempéries, podem ser encontrados corantes solúveis em água e solvente.

<script src='http://img140.imageshack.us/shareable/?i=ano6.jpg&p=tl' type='text/javascript'></script><noscript></noscript>

7.Faça a selagem mergulhando a peça em água fervendo durante 30 minutos. Este banho serve para fechar os poros da camada de óxido de alumínio. Se possível, faça a fervura em solução de corante.


<script src='http://img705.imageshack.us/shareable/?i=ano7.jpg&p=tl' type='text/javascript'></script><noscript></noscript>

Fonte WIKIHow


Valeu........



    Data/hora atual: Qui 8 Dez - 9:26:09