Opaleiros do Paraná

Conecte-se e aproveite as vantagens de ser um Membro Oficial.

Login

Esqueci minha senha

Últimos assuntos

Quem está conectado

53 usuários online :: 3 usuários cadastrados, Nenhum Invisível e 50 Visitantes :: 2 Motores de busca

joaoc, renelousada, Shadow90


[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 523 em Qua 15 Dez - 17:01:27

Produtos 101 Racing Parts

Seg 22 Abr - 17:29:39 por 101 Racing Parts

Comando de Válvulas Mecânico ISKY (USA)
CHEVROLET/GM 6cil 4.1L/250 1969-91 Opala
CHEVROLET/GM 4cil 2.5L/151 1969-91 - Carburados (tubo 6mm) Chevette, Chevy, Marajó



LINK PARA O PRODUTO
http://www.101racingparts.com/ecommerce/lista_produtos/busca%7C%7Cisk-2/1

Rafael Rodrigues
rafael@101racingparts.com
(41) 3941-4138


Filtro de Combustível de Tubo com Bico …

Top dos mais postadores

thallisguimaraes (17463)
 
tabarbosa (16851)
 
BANDIT (13534)
 
Xann (10387)
 
j ricardo (9351)
 
Jean Bida (9311)
 
Eduardo SSa (8678)
 
raphaelcaronti (8482)
 
Rubão6cc (7870)
 
100 (7771)
 

PÉTROBRAS REGISTRA UM LUCRO DE QUASE R$11,BILHOES...

Compartilhe

Lincon Henriques
Opaleiro
Opaleiro

Masculino Número de Mensagens : 73
Idade : 35
Localização : Apucarana Paraná
Modelo do carro : DIPLOMATA SE
Cilindros : 6CC
Data de inscrição : 08/12/2008

PÉTROBRAS REGISTRA UM LUCRO DE QUASE R$11,BILHOES...

Mensagem por Lincon Henriques em Sab 14 Maio - 10:24:27


Por André Magnabosco, Teresa Navarro e Sabrina Valle, da Agência Estado, estadao.com.br, Atualizado: 13/5/2011 18:48
Petrobrás apura lucro recorde de R$ 10,9 bi no 1º tri, alta de 42%

A Petrobrás reportou lucro líquido recorde de R$ 10,985 bilhões no primeiro trimestre deste ano, uma expansão de 42,18% em relação ao mesmo período do ano passado (R$ 7,726 bilhões). A receita líquida da companhia entre janeiro e março alcançou R$ 54,800 bilhões, alta de 8,70% em igual comparação, impulsionada pelo aumento da produção e da cotação do petróleo no período.

Segundo a Petrobrás, quatro fatores foram determinantes para a obtenção do lucro recorde. O primeiro foi o aumento do preço do petróleo nacional em 29%. O segundo foi o aumento da produção de 4% de petróleo, LGN e gás natural, em razão do aumento da produção nos campos de Marlim Leste, Cachalote/Baleia Franca, Jubarte, Uruguá/Tambaú, Frade, a entrada em operação do Piloto de Lula e Marlim Sul, bem como os testes de longa duração de Tiro, Sidon e Guará.

A empresa também destacou como motivos a elevação das vendas de gás natural acompanhando o crescimento industrial e maior demanda por geração de energia; e o melhor resultado financeiro (R$ 2,723 bilhões), decorrente dos ganhos cambiais sobre o endividamento, refletindo a apreciação do real frente ao dólar, e o aumento das receitas com aplicações financeiras e títulos públicos federais, devido à aplicação dos recursos oriundos da capitalização ocorrida em setembro de 2010.

A geração de caixa medida pelo Ebitda totalizou R$ 16,093 bilhões no trimestre, com expansão de 6,75% em relação ao mesmo intervalo de 2010 (R$ 15,076 bilhões). O resultado financeiro foi positivo em R$ 2,022 bilhões, ante resultado negativo de R$ 701 milhões no mesmo período do ano passado.

O menor crescimento do Ebitda no trimestre é explicado pela pressão dos resultados no segmento downstream, com a manutenção dos preços de gasolina e diesel no mercado doméstico no período, a despeito da elevação dos custos da estatal, também atrelados ao preço do petróleo no mercado externo e seus derivados.

O balanço financeiro da empresa foi divulgado após o fechamento da Bovespa. Nesta sexta, na bolsa paulista, a Petrobrás perdeu 1,35% na ON e 0,68% na PN. Na Nymex, o contrato do petróleo terminou em alta de 0,69%, a US$ 99,65 o barril. A commodity virou para cima no final do dia.

Produção tem alta de 3,1%

A produção total de óleo e gás natural da Petrobrás somou 2,627 milhões de barris diários no primeiro trimestre de 2011. O montante representa aumento de 3,1% na comparação com o mesmo período de 2010. Em relação ao quarto trimestre do ano passado, quando a produção ficou em 2,628 milhões, o indicador ficou praticamente estável.

Quando considerada apenas a produção nacional, o indicador teve elevação de 4% entre janeiro e março, ante o mesmo intervalo de 2010, somando 2,385 milhões de barris diários. Na comparação com o quarto trimestre, o desempenho doméstico ficou estável, com 2,384 milhões de barris, em decorrência principalmente do aumento da produção nos campos de Marlim Leste, Cachalote/Baleia Franca, Jubarte, Uruguá/Tambaú, Frade, e da entrada em operação do Piloto de Lula e Marlim Sul bem como os Testes de Longa Duração (TLD) de Tiro, Sidon e Guará.

No exterior, a produção total da companhia brasileira foi de 242 mil barris por dia, ante 245 mil barris do primeiro trimestre de 2010 e de 244 mil barris diários do quarto trimestre do ano passado.

Vendas no mercado interno sobem 7%

O volume total de vendas da Petrobrás no mercado interno subiu 7% no primeiro trimestre de 2011, em relação a igual período do ano passado, para 2,344 milhões de barris diários. Na comparação com o quarto trimestre do ano passado, o indicador teve queda de 7,2%. Os números consideram a venda dos derivados, incluindo diesel, gasolina e nafta, além de gás natural e alcoóis e nitrogenados.

As vendas de diesel, principal derivado comercializado pela estatal, cresceram 8,6% no primeiro trimestre ante o mesmo período de 2010, para 796 mil barris diários. O aumento dos negócios no mercado doméstico ocorreu em decorrência, principalmente, da menor participação de outros competidores no mercado, destacou a companhia.

Já as vendas de gasolina cresceram 7,1% em igual base comparativa, para 439 mil barris diários. A alta, segundo a estatal, decorre da 'vantagem do preço da gasolina em relação ao etanol na maior parte dos estados e crescimento da frota de veículos.'

Ainda na comparação entre primeiros trimestres, as vendas totais ao mercado externo encolheram 9,8%, para 1,182 milhão de barris diários. Com isso, as vendas totais da Petrobrás no primeiro trimestre somaram 3,526 milhões de barris por dia, alta de 0,8% em relação ao mesmo intervalo de 2010.

E A GASOLINA CONTINUA HA QUASE R$3,00...É PHODA...

-Romanchuc¬¬"
Opaleiro
Opaleiro

Masculino Número de Mensagens : 172
Localização : parana
Data de inscrição : 27/04/2010

Re: PÉTROBRAS REGISTRA UM LUCRO DE QUASE R$11,BILHOES...

Mensagem por -Romanchuc¬¬" em Sab 14 Maio - 10:52:59

praticamente 50% é imposto que o governo pega da petrobras que a petrobras repassa aos distribuidores que sim passa aos posto de gasolina e assim ao consumidor final.
E o governo cobra o imposto direto ao consumidor final
resumindo

Governo Win
Consumidor sempre Fail

thallisguimaraes
Moderador
Moderador

Masculino Número de Mensagens : 17463
Idade : 24
Localização : Goiânia-GO
Modelo do carro : Caravan 1988
Cilindros : 4.1i
Data de inscrição : 16/01/2008

Re: PÉTROBRAS REGISTRA UM LUCRO DE QUASE R$11,BILHOES...

Mensagem por thallisguimaraes em Sab 14 Maio - 16:30:41

COm tudo isso sera que nao podiam baixar um pouco os impostos? Como dizem, quanto mais tem, mais quer


_________________
ANTES UM SONHO, HOJE NEM DURMO

-Romanchuc¬¬"
Opaleiro
Opaleiro

Masculino Número de Mensagens : 172
Localização : parana
Data de inscrição : 27/04/2010

Re: PÉTROBRAS REGISTRA UM LUCRO DE QUASE R$11,BILHOES...

Mensagem por -Romanchuc¬¬" em Dom 15 Maio - 10:26:23

O governo é guloso, alem de 49% das ações da petrobras, e alem de faturar trilhoes em impostos por ano, reclama de estômago cheio

Conteúdo patrocinado

Re: PÉTROBRAS REGISTRA UM LUCRO DE QUASE R$11,BILHOES...

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 7:34:19


    Data/hora atual: Qua 7 Dez - 7:34:16